Pequena Miss Sunshine

Oliver, uma garotinha fora dos padrões de beleza, se diverte imitando a reação das candidatas de concursos de beleza pela televisão.

Um certo dia, recebe um telefonema em que é convidada a participar do Concurso Little Miss Sunshine  no Sul da Califórnia. Eufórica e sem acreditar, Oliver coloca todos numa situação difícil, uma vez que a realidade dos familiares não é nada convincente. Cada um enfrenta problemas que já fazem parte da sua rotina e até mesmo de sua existência.

A família se resume ao pai, um vendedor sem sucesso; a mãe, uma honesta e fiel dona de casa; e o irmão que faz jejum do silêncio para conseguir ingressar no curso de pilotos. Mais tarde, passam a conviver com eles o avô, um viciado em cocaína que foi expulso do asilo e o tio que, após ser traído pelo namorado, tenta o suicídio.

Após muita discussão, eles decidem acompanhá-la com o único meio de transporte que possuem: uma Kombi amarela. Durante a viagem, tudo acontece: descobertas, perdas, tristezas, mágoas, entre outros sentimentos.

O filme é uma tragicomédia que mostra a importância da família para o crescimento moral e pessoal diante das dificuldades impostas pela vida. A mensagem transmitida nas cenas que ora são hilárias, ora deprimentes, mostra o quanto é necessário ser feliz no cotidiano.

Logo é possível, de início, ver que o conflito de cada personagem provocará não só uma suposta mudança como fa-lo-á sentir uma verdadeira compaixão pelo outro.

Anúncios

~ por Márcia Vidal em setembro 6, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: