Esta noite ou nunca

Mal saíra da prisão, um jovem escritor indicado por um desconhecido, começa a trabalhar numa editora pirata, sob o pseudônimo de William Ken Taylor.

Porém, sua ascensão dura pouco e sem saída, é obrigado a voltar a escrever peças para um teatro pornô até porque divide o aluguel com outros – Lorca que vive da música e da bebida e Jardim, um detetive particular.

Mais tarde, passa a ser roteirista de filmes de pornochanchadas na Rua do Triunfo, a subdesenvolvida Hollywood paulistana dos anos 70.

Em pouco tempo, um dos seus roteiros desponta como sucesso no cinema nacional, ainda mais com a participação de Eliana Brandão, sua musa inspiradora de revistas eróticas, que se destaca de maneira glamourosa. Então, devido a isso, o jovem escritor se torna disputado por outras produtoras que ambicionam avidamente por seus escritos.

Mas, sua vida dá uma nova reviravolta. Depois do relacionamento íntimo com a atriz o qual não lembra e em seguida, é preso por suspeita de atentado contra a censura, tudo isso contribui para sua decadência profissional além do término do noivado que garantia a moradia do tio.

A partir daí, tais acontecimentos só reforçam a sua marginalização em relação à sociedade e a ditadura que sempre perseguiram sua carreira como escritor.

Inspirada na própria experiência do autor, a obra descreve de maneira irônica um mundo, cujos cenários da época e a falsa moralidade das pessoas recriam um clima realista e ao mesmo tempo, romântico.

 

Anúncios

~ por Márcia Vidal em junho 24, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: